O chunnin perdido

Ir em baixo

O chunnin perdido

Mensagem  Tatsuma Kyouke em Sex 6 Abr - 20:37

Esses são os dias que se passaram após o sumiço de Tatsuma de sua prisão em Tetsu. As investigações, que começaram apenas após um dia de seu sumiço, se dão através de sua visão dos lugares onde esteve durante os dias desaparecido. Sem acesso a seu próprio chakra e confuso, o chunnin parecia esperar por algo no lugar onde havia sido deixado.
avatar
Tatsuma Kyouke

Nome : tatsuma kyouke Idade : 27

Ficha do Personagem
Nome: Tatsuma
Vila:
Chakra:
1200/1200  (1200/1200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

2º Dia

Mensagem  Tatsuma Kyouke em Sex 6 Abr - 20:57

Acordava sobressaltado onde estava e logo procurava por um pergaminho. Aquela era uma casa simples e muito maltratada pelo tempo, uma de suas paredes apresentava um buraco por onde entrava a luz do sol, seus móveis tinham poeira acumulada e os pequenos objetos espalhados pelo chão mostravam que ali era um lugar que ventava muito.
"Aguarde-o aqui, ele logo chegará, se não souber o que fazer sua punição será um triste fim"

Lia aquela mensagem mais uma vez e a jogava para o lado com raiva, para então olhar o braço sem vida com tristeza. Seguia para uma pequena fogueira, já apagada, no canto do cômodo em que estava, e a acendia com dificuldade pela falta de uma mão. Após feito o fogo colocava uma panela em um suporte para esquentar água e colocava um ovo dentro para o cozinhar. Tentava limpar um pouco o lugar para poder se alimentar. Tudo parecia revirado pelo vento e nada se mantinha exatamente no lugar.

Após se alimentar, seguia para fora daquela casa. A vista um resquício do que seria um vilarejo no alto de uma montanha, suas casas pareciam mais comprometidas do que a que havia acabado de sair, era notável uma tristeza na visão que tinha. Seguia até uma das casas mais próximas e apenas empurrava a porta para que ela caísse, uma rede havia sido colocada junto ao teto da casa e verificava se ainda era seguro o local, saindo em seguida. Olhava para cima, havia um caminho pela montanha para seu topo e se virava rapidamente.

Seguia para o alto de uma das casas e começava a trabalhar em armadilhas, o tempo todo verificava se a estrutura o aguentava e o quanto o teto aguentaria até que cedesse. Repetia o processo em outras duas casas até o sol ficar alto e se ver obrigado a voltar para um lugar protegido, o sol ali parecia muito forte para ficar ao ar livre. Voltava para a casa em que havia se "hospedado" e descansava ali e fazia uma refeição leve até que o sol tivesse baixado.

Seguia então para uma pequena caverna próximo do limite do vilarejo, passava por gramas baixas que resistiam ao vento e pareciam aproveitar de alguma umidade no local. Entrava na caverna escura até chegar a um ponto úmido, com muitos cogumelos e olhava para um ninho na rocha. Atirava uma kunai naquele ninho e seguia para pegar o pássaro que tinha ali, conseguia também seus ovos e voltava para a casa. Fazia o pássaro magro para a janta e ia dormir.
avatar
Tatsuma Kyouke

Nome : tatsuma kyouke Idade : 27

Ficha do Personagem
Nome: Tatsuma
Vila:
Chakra:
1200/1200  (1200/1200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

3º dia

Mensagem  Tatsuma Kyouke em Seg 9 Abr - 22:04

Os olhos novamente eram abertos em uma casa abandonada e quase destruída, a mesma do dia anterior. Vasculhava alguns equipamentos os separando sobre uma mesa, eram duas bolsas e abaixo delas 4 tarjas explosivas, 4 kunais, 12 sembons e 1 granada de luz... Era pouco para as duas bolsas e indicava que já havia gasto boa parte do que deveria ter ali. Novamente ia até uma pequena fogueira que havia acendido na noite anterior e a reacendia para preparar os ovos conseguidos na caverna.

Após o café seguia até as casas do vilarejo, entrava em uma nova casa e percebia que o teto ali já não existia mais, balançava a cabeça e saía. Sigo até a proximidade de uma borda e olhava para baixo, abaixo uma floresta se estendia farta, em sua maioria carvalhos e algumas plantas típicas de regiões com montanhas. Descia a encosta até chegar a região de mata, olhava ao redor com apreensão, algo parecia chamar a atenção em um direção específica e seguia para a o lado oposto por isso.

Caçava ali no meio da mata o que precisava para continuar sobrevivendo naquele lugar, sua primeira presa havia sido um gambá, então começou a buscar por algo maior. Seguiu até achar um javali, era bastante carne para durar por alguns dias e ainda poderia usar seu couro.. Emboscava o animal por alguns metros até ter certeza que poderia lidar com ele sem problemas, havia guiado o suíno usando as sembons e acertado alguns para o enfraquecer, quando o acuou a ponto de ser atacado já podia lidar com ele e apenas usou uma das kunais para terminar a caça.

Voltava para o vilarejo, sem mexer novamente com as casas. fazia agora uma fogueira maior a céu aberto ao final da tarde. Começava preparando o javali, tirando seu couro e preparando a carne para ser assada na fogueira. Antes que o sol sumisse ainda preparava o gambá, tirando primeiro sua pele e depois com cuidado buscava retirar algumas partes sem afetar a integridade do corpo e armazenava alguns líquidos de suas glândulas em frascos. Do couro havia feito um tipo de corda firme.

A noite passava algum tempo junto a fogueira se alimentando do javali. Terminava a noite voltando para a casa em que vinha passando suas noites.
avatar
Tatsuma Kyouke

Nome : tatsuma kyouke Idade : 27

Ficha do Personagem
Nome: Tatsuma
Vila:
Chakra:
1200/1200  (1200/1200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

4º dia

Mensagem  Tatsuma Kyouke em Qua 11 Abr - 23:15

De volta a velha casa, mais um dia havia começado, tudo parecia tão "novo", aquele lugar era incrível.. Levantava rapidamente para olhar a parede da casa, havia um buraco entre a parede e o teto grande que fazia o sol entrar por ali e via claramente algumas teias de aranha, olhava admirado para aquilo seguindo a pequena teia até um canto mais no escuro e olhava fixo até achar a pequena aranha escondida ali, olhava tão atentamente que podia contar seus olhos minúsculos.

Sem ao menos pensar em preparar algo, corria para a porta. Parecia querer descobrir o mundo onde estava. Abria e parecia não conseguir acreditar no que via ali, ruínas, seus olhos focavam e desfocavam em cadas estrutura... Analisava cada uma a procura de algo e parecia seguir uma rota! A respiração parecia um pouco descompassada e então corria rápido entre as casas, saltando para alguns pontos mais altos e em um momento se jogava para se agarrar em um dos tetos, mas apenas um braço obedecia e quase não havia conseguido se segurar.

Olhava o braço com espanto claro! Forçava com o corpo o movimento daquele pedaço inútil de carne que se pendurava ali, desfeito de ataduras que deveriam ter afrouxado após o início agitado daquela manhã. Soltava o teto e caía sentado no chão, seu olhar era triste para o braço sem vida e ficava mexendo nele por um tempo... Deveria estar tentando entender ainda o que estava acontecendo.

Alguns minutos se passaram sem que conseguisse qualquer reação, por vezes olhava para a mão boa em dúvida, até se conformar em novamente amarrar o braço de forma que ele não atrapalhasse mais, usava as próprias ataduras de antes para fazer um no apertado do braço contra o corpo... Olhava ao redor, novamente a euforia voltando ao olhar e dessa vez podia ver mais e mais coisas incríveis.

Estava em algum lugar alto e rochoso, apenas arvores resistentes haviam ali e gramas baixas que precisavam de pouco para sobreviver. O sol devia ser forte ali, logo pela manhã já suava. Se aproximava de uma encosta, seus olhos iam longe por cima de uma floresta frondosa que se estendia até o pé da montanha onde estava.

Olhando ainda mais longe podia ver fumaça, algo queimava tão longe dali que apenas podia ver um vestígio de fumaça distante. Olhava então para a floresta com grande interesse, árvores diversas, grandes e baixas, e algo chamava ainda mais atenção.... Em um salto caia para dentro da mata e se agarrava em um ganho, se impulsionando apenas com o braço bom entre galhos mais baixos até chegar ao solo.

Aquele lugar parecia um labirinto de tão fechado e com pouca variedade entre seus ambientes, passou a andar em círculos durante um bom tempo até achar um rastro. Havia sangue ali, algum animal grande havia caçado por ali e se punha de quatro no chão farejando o lugar, parecia se divertir olhando ao redor como se refizesse a caça do predador.

Olhava moitas de longe e se virava rapidamente para outro lugar, parecendo ter escutado algo. A forma frenética que agia poderia ser desorientante, seus olhos focavam e desfocavam de uma forma quase inorgânica até achar um alvo.

Uma cobra se arrastava por sobre um galho, sua coloração enganava os demais animais querendo parecer venenosa... Mas seus padrões não eram assim e tão logo a mesma se dava conta e estava presa com sua cabeça passada por um pedaço de tronco, de onde aquilo havia saído ou como havia chego tão rápido ao réptil era inexplicável. A cobra seria seu café da manhã e pelo visto almoço, com dificuldade fazia uma fogueira pequena e ali mesmo assava a cobra usando o tronco para fincar ela próxima a chama.... Era um amador naquilo e praticamente comeu o animal cru.

Tudo aquilo deveria ter durado bastante tempo, passava um tempo tentando se achar caminhando entre arvores e plantas. Era um lugar semi-tropical pelas suas plantas, a floresta era fechada e pouco sol entrava, sempre olhava ao redor indicando que vários sons eram feitos ali que chamavam sua atenção... Uma direção era mais focada e sempre se afastava quando olhava para ela, havia perigo ali, perigo que até ele preferia evitar (mesmo seus olhos curiosos teimando em se virar para o lugar).

Apenas quando já era noite achava um caminho no meio da mata, deveria levar para o vilarejo em ruínas que estava antes, ou para fora da floresta se seguisse descendo. Queria descer, mas sua respiração acelerada demonstrava receio de ir naquela direção, voltava a subir até chegar ao vilarejo. Sua cabeça girava ao final a ponto de apenas ter tempo de chegar a uma das casas velhas e desmaiar ali mesmo.
avatar
Tatsuma Kyouke

Nome : tatsuma kyouke Idade : 27

Ficha do Personagem
Nome: Tatsuma
Vila:
Chakra:
1200/1200  (1200/1200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

5º Dia

Mensagem  Tatsuma Kyouke em Sex 13 Abr - 20:06

Acordava assustado, seus olhos percorriam o lugar por algum tempo até entender o que havia acontecido e se acalmar. Se sentava no chão e por algum tempo apenas ficava ali como se meditasse. Apalpava o braço inerte como se tentasse o acordar novamente... Talvez se tivesse seu controle de chakra pudesse ter ele mesmo se recuperado, parecia calmo com aquilo porem.

Seguia até a casa onde havia passado suas noites antes, lá podia trocar as bandagens que prendiam o braço e também suas próprias roupas. A mudança brusca em sua personalidade no dia anterior havia deixado marcas, feridas e ainda parecia um pouco zonzo depois da refeição inadequada que havia tido. Saia do vilarejo novamente para a caverna onde havia estado a três dias atrás, ali havia um lago onde poderia pegar água potável e se hidratar.

Ali também poderia limpar seus ferimentos do dia anterior, mas o que mais procurava eram ervas que cresciam por ali. Ervas medicinais se acumulavam na escuridão da caverna e após algum tempo as separando voltava a seu acampamento para preparar um tipo de chá para tomar, provavelmente para tratar os efeitos da carne crua de cobra não preparada que havia comido antes.

Seu dia se desenrola parecido com os primeiros, seguia por algumas casas avaliando seus estados e fazendo pequenas armadilhas. Se alimentava pouco e claramente passava mal com quase tudo que comia.
avatar
Tatsuma Kyouke

Nome : tatsuma kyouke Idade : 27

Ficha do Personagem
Nome: Tatsuma
Vila:
Chakra:
1200/1200  (1200/1200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

6º dia

Mensagem  Tatsuma Kyouke em Sab 14 Abr - 18:39

Acordava sentindo que algo estava estranho, olhava ao redor procurando por algo, como se alguém tivesse estado ali ou ainda estivesse. Checava várias vezes o lugar em busca de algum vestígio de alguém. Poderia aquele ser algum efeito ainda da intoxicação da noite anterior?

Saia da casa em busca de sinais de movimentação pelo vilarejo, gastava um bom tempo nisso. Tudo parecia normal, mas seguia por um caminho que o guiava para ainda mais alto na montanha até chegar em uma passagem fechada. Parava abruptamente e apenas voltava pelo caminho que tinha subido, alguma coisa parecia errada com aquele lugar.

De volta ao vilarejo passava o dia armando novas armadilhas nas casas que ainda não havia avaliado, até o meio do entardecer. Havia se esforçado mais no sol forte daquele lugar para ter tudo terminado antes que a pessoa que esperava chegasse ali, tudo deveria estar pronto antes que quem quer que seja chegasse.

Seguia novamente para a caverna de antes, ali buscava água e alguns cogumelos que pudesse comer e também aves pequenas. Dessa vez ao invés de voltar para o vilarejo, acampava ali mesmo até o dia seguinte.
avatar
Tatsuma Kyouke

Nome : tatsuma kyouke Idade : 27

Ficha do Personagem
Nome: Tatsuma
Vila:
Chakra:
1200/1200  (1200/1200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

7º Dia

Mensagem  Tatsuma Kyouke em Qua 18 Abr - 22:00

Acordava na caverna escura, pouca iluminação entrava por um buraco na caverna. Olhava ao redor, parecia que nada estranho o incomodava nesse dia. Partia da caverna pouco após acordar, ainda tinha locais para preparar e pontos para observar, tinha o pergaminho em mãos e o lia mais uma vez.

Aquele pedaço de papel parecia quase um presságio. Uma garantia de que, não importava o quem fosse, aquele que iria aparecer naquelas montanhas poderia ser aquele que o mataria. Após o dia passado se mantinha mais atento ao redor, sempre procurando algo nas sombras, era como se estivesse sendo caçado e soubesse que estava.

Com o passar do dia ficava cada vez mais entre as casas, principalmente as que já havia preparado suas armadilhas, todas envolviam alguma forma de aprisionamento e aparentavam conter um elemento químico. As glândulas e organismos do gambá que havia capturado a alguns dias haviam sido usadas em algumas armadilhas, esperava alguém que fosse afetado por esses mecanismos simples de forma agressiva pela forma que as preparou.

Não se atrevia a sair da segurança do vilarejo, em todos os dias em que esteve nele nenhuma vez teve sinais de animais agressivos ou de pessoas. Aquele lugar isolado não deveria ser conhecido por muitos e certamente evitado por algo que existia por ali. Sua presença não seria o motivo do isolamento, isso era certo. Durante a noite se alojou em uma das primeiras casas que havia preparado.

Era um casebre de apenas dois cômodos, o mais simples que havia por ali, e tinha a estrutura que menos permitia a entrada, com paredes ainda sólidas e uma porta pesada. Improvisava uma armadilha na porta e olhava para ela até cair no sono. Poderia ter despistado a presença que sentiu no outro dia, mas não poderia se esconder para sempre.
avatar
Tatsuma Kyouke

Nome : tatsuma kyouke Idade : 27

Ficha do Personagem
Nome: Tatsuma
Vila:
Chakra:
1200/1200  (1200/1200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

8º Dia

Mensagem  Tatsuma Kyouke em Qua 18 Abr - 22:15

Dentro da casa não havia como ver o sol da manhã direito, apenas pequenas frestas de luz ultrapassavam o teto. Virava a cabeça para a parede, havia certamente ouvido algo do lado de fora por sua movimentação.

Saia da casa com cuidado e mantinha uma kunai a mão para o caso de necessitar. Ia até a casa onde havia passado a maior parte dos dias, aquele era o dia que saberia quem aguardava e precisava estar a frente do desconhecido. Já na casa, desenterrava uma bolsa de equipamentos, três bombas de luz e 4 tarjas explosivas. Seguia diretamente para a encosta da montanha e observava a movimentação das árvores.

Da posição onde estava era como se voasse sobre o topo da floresta, seu raio de visão era incrível e indicavam um talento natural para utilização de seus instintos da melhor forma possível... Seus olhos não poderiam ser humanos para permitir a clareza e distância que alcançava mesmo sem o uso de chakra. Em um relance via seu alvo, um adolescente de feições irritadas e cabelos espetados... Conhecia o rapaz, Henzo, de seu próprio clã e então a mensagem fazia sentido, havia sido colocado naquele lugar para ajudar henzo ou morrer tentando.

A tarefa de parar o gennin descontrolado sem chakra e sem um braço seriam grandes, mas parecia confiante no serviço que havia desenvolvido nos últimos dias. Seguia até uma das casas e subia por uma escada leve até seu telhado, o piso era instável e quebradiço, seguro por pouco mais do que uma camada fina de barro. Aguardava olhando para a direção de onde podia sentir a aproximação de Henzo.

A noção de tempo ali em cima era perdida e esperava com calma seu alvo, uma paciência características de alguém acostumado a caça. Apenas após algum tempo o jovem de cabelos espetados aparece, ele estava desconfiado do lugar e parecia procurar algo. Chamo sua atenção e logo começamos algum tipo de diálogo.

Henzo em um momento, podia ver com clareza, mudava sua feição e sabia o que estava por vim. Em um salto o garoto cobre nossa distância, giro o corpo e deixo que ele mastigue o braço sem vida deixado por Kyosho... Noto chakra raiton sendo disparado de sua boca e apenas golpeio firme o chão, que cede. O mundo vira um turbilhão enquanto caímos dentro da casa, me seguro a uma fina corda e ainda tenho a visão turva quando olho para Henzo envolvido na rede.

O que se segue é uma série de feições de raiva e ódio daquela personalidade sem controle de Henzo, o líquido que havia preparado com o líquido do gambá é derramado sobre Henzo, que recua. Tinha a situação sob controle, até quando era impossível saber, e antes que desacordasse Henzo de forma mais bruta o rapaz simplesmente parava e sinalizava que estava bem... Seu olhar era confuso e aliviado.
avatar
Tatsuma Kyouke

Nome : tatsuma kyouke Idade : 27

Ficha do Personagem
Nome: Tatsuma
Vila:
Chakra:
1200/1200  (1200/1200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O chunnin perdido

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum